Weby shortcut
Radio Universitária
Palestra seminário

Evento estabelece novas diretrizes para a Rádio Universitária

Do rádio educativo cultural ao serviço de radiodifusão pública no ambiente multiplataforma, desafios contemporâneos que permeiam uma das emissoras mais antigas do Brasil

Seguindo a tradição de ser um espaço privilegiado de discussão e diálogo, a Rádio Universitária (RU) da UFG realizou, dias 14 e 15, o III Seminário da emissora com o objetivo de discutir e estabelecer novas diretrizes diante da conjuntura contemporânea da comunicação pública. A emissora está em fase de reestruturação de seus órgãos colegiados (conselho gestor e comitês editoria e de programação), bem como de instalação de uma ouvidoria própria, como determina a lei de radiodifusão (lei 11.652, de 7/4/2008), e de migração para FM, o que demandará adaptações em toda a programação. Apesar do caráter interno, o evento contou com a presença de autoridades da UFG e profissionais da área.

Na abertura do evento, a diretora da RU, Márcia Boarati, falou sobre o papel da emissora na busca pela oferta de uma programação diferenciada da mídia comercial e do apoio à formação acadêmica. “Buscamos manter a abertura para maior participação da comunidade interna e externa à UFG, a integração com os outros setores da UFG, bem como a participação na construção da Política de Comunicação da UFG. Além disso, somos um espaço laboratorial e campo de estágio para alunos de Jornalismo”, resumiu o compromisso de sua gestão na emissora.

A diretora da RU citou, também, o apoio técnico da emissora na criação de outras, como os projetos vitoriosos da própria TV UFG – sobre a qual ressaltou a surpreendente capacidade de produção –  e, mais recentemente, a Rádio Trabalhador, emissora web, mantida pela Central única dos Trabalhadores (CUT) e que tem sido referencia nacional na comunicação sindical.

Marcia - seminário

Boarati chamou a atenção para a importância da comunicação na defesa na universidade pública, especialmente no momento em que passa o país. “A autonomia universitária, a liberdade acadêmica e a pluralidade pedagógica estão sendo não somente ameaçadas, mas atacadas, citando o caso do ministério público, em 2016, que recomendou à universidade que não realizasse e nem permitisse, em suas dependências, nenhum ato de natureza política, cerceando a liberdade de pensamento, de expressão e de debate, que é seu papel por natureza”, ressaltou.

Márcia explicou o papel diferenciado das emissoras públicas, “veículos que tem o dever de mostrar outros enfoques, de trazer conteúdos que não fazem parte do discurso hegemônico, dar voz aqueles que não têm lugar para se expressar. E isso inclui toda uma produção artística e cultural ignorada pela sociedade e pela grande mídia, alijados pela indústria do entretenimento”, completou.

O reitor da UFG, professor Edward Madureira, valorizou o evento, lembrando sobre a diferença do estágio tecnológico atual e da época em que foi realizado o II Seminário da RU, em 2004. Fez questão de relatar o caminho da integração definitiva que tomam os meios de comunicação da UFG, resultado de um processo iniciado em seu primeiro mandato, em 2006. “Temos que nos mover como um corpo só, a fim de conquistar nosso principal aliado, a sociedade, para que ela nos defenda. Ainda somos invisíveis para muitos”, ressaltou.

Falou ainda sobre do papel dos meios de comunicação na construção do sentimento de pertencimento da comunidade universitária. “Cada um de nós, professores, técnicos e estudantes, tem que se sentir parte disso. Se temos motivação, sentimento de pertencimento, nada nos deterá”, afirmou Edward Madureira.

Ouvinte assídua da Rádio Universitária, Angelita Pereira de Lima, diretora da Faculdade de Informação e Comunicação (FIC) da UFG, afirmou que a emissora tem uma trajetória de se orgulhar. “A paixão pela profissão do comunicador se dá aqui”, referindo-se à prática do Radiojornalismo, uma marca da RU, a emissora educativa que mais oferece espaço à produção acadêmica em Comunicação em todo país. A diretora da FIC também frisou o fortalecimento da parceria Ascom/ RU/ TV UFG e FIC que tem articulado de forma efetiva a comunicação na universidade.

O secretário de Comunicação da UFG, professor Magno Medeiros, falou sobre os desafios imediatos da comunicação na UFG, aos quais a RU está integrada: a implementação da Política de Comunicação por meio de resolução, que prevê a criação de um comitê gestor de comunicação integrada, e a estruturação da Secretaria de Comunição (Secom), que irá aprofundar os laços entre os órgãos e veículos da área, num esquema de comunicação em rede, incluindo as regionais da UFG. “A construção coletiva que envolve esse processo, pautada na comunicação pública, interesse público, como uma particularidade essencial à nossa prática” foi ressaltada pelo secretário.

Paralelamente, Magno Medeiros informou sobre projetos que buscam avançar na utilização dos recursos do ambiente em rede, como a reformulação do Portal UFG, e a implantação do Saci, que permite maior interação com o público por meio de demandas de serviços de comunicação, e de um portal multiplataforma para hospedar e interagir produções e equipes profissionais nas linguagens compartilhadas.

Muitos dos presentes reconheceram a necessidade de avanço da emissora por meio da criação de novos formados, novas linguagens e formas de integração com o público, por meio das mídias convergentes, que ampliarão o alcance da emissora.

A importância da rede de emissoras das Instituições Federais de Ensino Superior (Rede Ifes) também foi citada. “Juntas formam a maior rede de comunicação do Brasil, precisamos aumentar a nossa capacidade de articulação para defender avanços para a universidade e a educação pública no Brasil”, disse Edward Madureira.

 III Seminário da Rádio

Diretrizes

Após a palestra proferida pela professora Nélia Del Bianco, sobre a radiodifusão brasileira, os participantes do evento se reuniram em grupos de trabalho (GTs) para discutir programação, produção artística e jornalismo na RU. O documento servirá de base para traçar as novas diretrizes de atuação na Rádio Universitária da UFG.

Palestra seminário

Fonte : Rádio Universitária

Categorias : Notícias

Listar Todas Voltar